Sábado, 18 de Setembro de 2021 09:49
(11) 99639-7423
Câmara dos Deputados Câmara dos Deputados

Condenado por descumprir medida protetiva de urgência poderá perder cargo público

O texto altera dispositivo do Código Penal que trata dos efeitos da condenação

19/03/2021 12h00
198
Por: Redação Fonte: Agência Câmara de Notícias
A autora da proposta, deputada Professora Rosa Neide - (Foto: Vinicius Loures/Câmara dos Deputados)
A autora da proposta, deputada Professora Rosa Neide - (Foto: Vinicius Loures/Câmara dos Deputados)

O Projeto de Lei 771/21 prevê a perda de cargo ou mandato para servidor público ou político condenado por descumprir medida protetiva de urgência determinada pela justiça com base na Lei Maria da Penha. O texto tramita na Câmara dos Deputados.

A proposta é da deputada Professora Rosa Neide (PT-MT) e altera dispositivo do Código Penal que trata dos efeitos da condenação. Ela afirma que a mudança sugerida é um modo de “reforçar o poder coercitivo da Lei Maria da Penha”.

As medidas protetivas de urgência são providências garantidas pela lei para as mulheres vítimas de violência doméstica, e tem a finalidade de evitar que ela ou a família sofram novas agressões. O descumprimento de medidas ordenadas pela justiça sujeita o agressor a pena detenção, de 3 meses a 2 anos.

Saiba mais sobre a tramitação de projetos de lei

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
São Paulo - SP
Atualizado às 09h30 - Fonte: Climatempo
20°
Nevoa úmida

Mín. 15° Máx. 30°

20° Sensação
11 km/h Vento
83% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (19/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 16° Máx. 29°

Sol com algumas nuvens
Segunda (20/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 18° Máx. 33°

Sol com algumas nuvens
Ele1 - Criar site de notícias